Combo: 3 receitas de micro-ondas, por @izzynobre

Acredite ou não, esse petisco é feito no micro-ondas | Foto: Reprodução

Acredite ou não, esse petisco é feito no micro-ondas | Foto: Reprodução

 

Nessa sexta-feira, vamos ensinar não uma e nem duas, mas três receitas de uma só vez. E o que é melhor: todas elas podem ser feitas no micro-ondas! Quem ensina é o Izzy Nobre, do Hoje é Um Bom Dia. Pra começar, Minipizza de cream cracker!

 

* Ingredientes:

 

– Biscoitos tipo cream cracker
– Molho de tomate (o quanto baste)
– Queijo mussarela (o quanto baste)
– Orégano a gosto

 

Modo de preparo: 1 – Coloque os cream crackers num prato, com UM POUQUINHO de molho de tomate neles; 2 – Cubra os cream crackers com queijo e uma quantidade generosa de orégano em cima do queijo; 3 – Aqueça no micro-ondas por 15 ou 20 segundos, só pra derreter o queijo. Bon appétit!

 

Cupcake de micro-ondas? Aprenda a fazer | Foto: Reprodução

Cupcake de micro-ondas? Aprenda a fazer | Foto: Reprodução

 

Bolo de caneca (vulgo cupcake)

 

* Ingredientes:

 

– 4 colheres de açúcar
– 3 colheres de achocolatado
– 4 colheres de farinha com fermento
– 3 colheres de leite
– 3 colheres de óleo
– 1 ovo

 

Modo de preparo: 1 – Misture tudo numa xícara até que fique uma massa homogênea; 2 – Leve ao micro-ondas por 1 minuto e meio e veja o seu minibolo crescendo, alimentado pela magia radioativa do seu forno. Bon appétit!

 

Cookie é bom (não, não deu pra resistir) | Foto: Reprodução

Cookie é bom (não, não deu pra resistir) | Foto: Reprodução

 

Cookie de micro-ondas

 

* Ingredientes:

 

– 1 colher de manteiga
– 2 colher de açúcar
– 1 colher de açúcar mascavo
– 3 gotinhas de essência de baunilha
– 1 pitada de sal
– 1 gema de ovo
– 1/4 de copo de farinha
– 2 colheres de gotinhas de chocolate

 

Modo de preparo: 1 – Primeiro, derreta a manteiga no micro-ondas; 2 – Adicione os açúcares, baunilha e sal. Mexa bem; 3 – Adicione a gema, e continue mexendo. Depois, coloque também a farinha, e não pare de mexer; 4 – Finalmente, jogue as gotinhas de chocolate. Leve ao micro-ondas por um minuto. Dependendo da potência do seu forno, talvez seja mais ou menos que um minuto. Não desgrude e vá na tentativa e erro, uma hora você acerta o ponto 🙂 Bon appétit!

 

Gostou? Agora você tem receitas de gordices facílimas de fazer e que qualquer preguiçoso prepara, sem mistério… Voilà!

Receita: lasanha de miojo

Quem disse que não dá pra criar pratos com macarrão instantâneo? | Foto: Reprodução

Quem disse que não dá pra criar pratos com macarrão instantâneo? | Foto: Reprodução

 

Hoje, uma receita superespecial (e fácil de montar), qualquer geek consegue preparar em casa, e bem rapidinho. Aprenda a fazer uma lasanha de miojo!

 

* Ingredientes:

 

– 2 pacotes de macarrão instantâneo (170g)
– 1 1/2 xícara de chá de molho de tomate (350g)
– 3/4 xícara de chá de requeijão (170g)
– 3/4 xícara de chá de água (180ml)
– 3/4 xícara de chá de presunto picado (110g)
– 1 xícara de chá de queijo mussarela ralado (120g)
– queijo parmesão ralado a gosto

 

Modo de preparo: 1 – Pegue 2 pacotes de macarrão instantâneo e abra-os na metade. Coloque em uma tigela e adicione água fervente até cobrir o macarrão; 2 – Deixe hidratar por 2 minutos. Retire o macarrão instantâneo com cuidado para não quebrar e reserve; 3 – Coloque em uma outra tigela o molho de tomate, o requeijão, a água e misture; 4 – Em um refratário de 16x22cm, coloque uma porção da mistura de molho de tomate, espalhando bem. Coloque uma camada de macarrão instantâneo, uma camada de molho, uma camada de presunto, uma camada de mussarela, mais uma camada de molho e mais uma camada de macarrão instantâneo; 5 – Termine com o molho de tomate e salpique queijo parmesão ralado a gosto; 6 – Leve ao forno alto (250°) por cerca de 20 minutos ou até derreter o queijo. Retire do forno e sirva em seguida. Bon appétit!

 

Gostou? A receita é bem fácil de fazer, muito gostosa e rende até 4 porções. Voilà!

O tomate está caro? Aprenda a cultivar!

Plante uma fortuna na sua casa! | Foto: Reprodução

Plante uma fortuna na sua casa! | Foto: Reprodução

 

Vegetal versátil, o tomate é um alimento rico e saboroso que tanto pode ser consumido cru, em saladas ou acompanhado de queijos, como servir de ingrediente para confeccionar os mais variados pratos quentes (huuuum, deu fome). Já ficou com água na boca, imaginando as massas deliciosas? Então, que tal cultivar seus próprios tomates ao invés de ter que ir à feira sempre que precisar deles? Ainda mais agora, com o preço do tomate disparando em tudo que é lugar…

 

O tomate é uma fruta bem fácil de plantar em casa | Foto: Reprodução

O tomate é uma fruta bem fácil de plantar em casa | Foto: Reprodução

 

Gostou da idéia? Então, antes de qualquer coisa, saiba que existem quatro espécies de tomates. Escolha a de sua preferência: O tomate coração-de-boi é o mais comum. Grande e liso, é o melhor para receitas cruas, pois é muito carnudo e tem poucas sementes. Demora entre 60 e 90 dias para dar frutos. O tomate redondo, embora um pouco menor que o comum, é muito apreciado e igualmente suculento. Demora entre 70 e 80 dias para dar frutos.

 

Os quatro tipos de tomate | Foto: Reprodução

Os quatro tipos de tomate | Foto: Reprodução

 

O tomate chucha é aquele que tem um formato mais comprido e oblongo. Tem um sabor menos ácido que a maioria dos tomates redondos e possui menos água e menos sementes, sendo ideal para molhos. Demora cerca de 75 dias para dar frutos. O tomate cereja é aquele pequenino. Ele tem um sabor mais doce que os outros e é perfeito para aperitivos e saladas, podendo ser consumido inteiro. Demora entre 65 e 70 dias para dar frutos.

 

Muda de tomate | Foto: Reprodução

Muda de tomate | Foto: Reprodução

 

Pronto, agora que já escolheu, pode começar a cultivar. Mas como semear? Esses vegetais podem ser adquiridos em forma de sementes ou mudas. Se optar por mudas, certifique-se de que as raízes sejam brancas, que a planta não tenha flor e nem mais de 10 cm de altura. É bom também que possua folhas bem verdes (nunca amareladas!), de aspeto jovem e saudável. Os tomateiros podem ser plantados no jardim ou horta, numa cova funda, ou mesmo em vasos, para quem tem pouco espaço. Mas o vaso precisa ser suficientemente largo para acomodar suas raízes de maneira espaçosa, ok?!

 

Tomate germinando | Foto: Reprodução

Tomate germinando | Foto: Reprodução

 

Se optar por sementes, é recomendável que sejam semeadas no início da primavera e, de preferência, em local coberto. Quando os tomateiros atingirem uma altura de cerca de 10cm, devem ser colocados em vasos ou covas individuais e devem também ser podados, para fortificar a planta e promover o seu crescimento. Na horta, os tomates podem ser cultivados junto a alho, alface, rabanete, couve, aipo, espinafre e todos os tipos de ervas aromáticas. Mas evite plantá-los junto a batatas.

 

Muda de tomate | Foto: Reprodução

Muda de tomate | Foto: Reprodução

 

Dicas para um bom cultivo: Para um cultivo de tomates bem-sucedido, o solo deve ser solto e fértil, preparado com adubo ou estrume antes da plantação. Recomenda-se ainda a aplicação frequente de fertilizantes durante o período de crescimento dos tomateiros, que necessitam de um espaço com muito sol, mas não calor excessivo, e precisam ser protegidos da força do vento.

 

Regue sua plantinha todo dia! | Foto: Reprodução

Regue sua plantinha todo dia! | Foto: Reprodução

 

Quando a planta já tiver quatro ramos com flores, deve-se cortar a parte superior do caule principal para impulsionar o amadurecimento dos frutos. Além disso, deve-se eliminar também todos os pequenos gomos que se formam entre as folhas quando esses apresentarem um comprimento de 2 cm. À medida que o tomateiro vai crescendo e dando frutos, é importante atá-lo a uma estaca apropriada à sua altura, para que ele não envergue com o peso dos tomates. Em termos de rega, precisam de água em abundância, principalmente na zona das raízes, que deve estar sempre úmida.

 

Quem disse que riqueza não dá em árvores? | Foto: Reprodução

Quem disse que riqueza não dá em árvores? | Foto: Reprodução

 

Hora de colher: Os frutos nascem entre o início do verão e o final do outono e podem ser colhidos sempre que se apresentarem vermelhos e amadurecidos. Para tirar os tomates sem danificar os caules do tomateiro, segure-os com a mão e apenas gire-os até que se soltem dos seus ramos. Em tempos mais frios, recomenda-se a retirada de todos os tomates, que podem ser colocados dentro de casa, no peitoril da janela, por exemplo, onde acabarão de amadurecer. Boa colheita!

 

Com informações do Jardinaria

Receita: Moqueca de camarão

Essa é pra fazer seu estômago roncar em dó maior | Foto: Reprodução

Essa é pra fazer seu estômago roncar em dó maior

 

Sexta-feira é dia de receita aqui no blog. E hoje, uma receita tipicamente brasileira: moqueca de camarão!

 

* Ingredientes:

 

– 400g de camarões médios e limpos
– Suco de 2 limões
– 2 cebolas pequenas, cortadas em rodelas
– 2 pimentões verdes, sem pele, picados
– 3 tomates cortados em rodelas
– ¼ de xícara (chá) de azeite
– ¼ de xícara (chá) de azeite de dendê
– 1 maço pequeno de coentro picado
– 1 maço pequeno de cheiro verde picado
– Sal e pimenta-do-reino a gosto

 

Modo de preparo: 1 – Tempere o camarão com sal, pimenta e o suco de limão. Reserve; 2 – Em uma panela de barro, faça camadas de cebola, pimentão, tomate e camarão. Regue com uma parte dos azeites e leve ao fogo por alguns minutos; 3 – Junte os azeites restantes e cozinhe por mais 5 a 10 minutos ou até o camarão ficar no ponto, não deixe cozinhar demais. 4 – Adicione o coentro e o cheiro verde, verifique o tempero e sirva com arroz branco. Voilà!