Doodles da Copa do Mundo

doodle

Todos já devem ter visto os Doodles que o Google tem feito especialmente para a Copa do Mundo homenageando o Brasil e os países que jogam no dia, não é mesmo?
Os Doodles da Copa são extremamente criativos e engraçados. Ao todo, são mais de 20 animações que mudam todos os dias.  Você já viu todos? Se não, clique aqui e veja todos eles, desde a abertura do Mundial. Você também pode enviar as animações por e-mail para os seus amigos ou compartilhá-las através do G+, Twitter e Facebook, clicando no ícone de compartilhamento localizado na parte superior à direita do Doodle.
Você assim como eu está curioso pelos próximos? Deixe nos comentários qual você mais gostou e qual você acha que deveria aparecer. Veja abaixo alguns que foram colocados na sua página inicial e nem percebeu. (;

unnamed (1)
unnamed (2)
unnamed (3) Continue lendo…

App combate a fome com fotos de comida

Quem diria, postar foto de comida pode dar alimento a alguém! | Foto: Reprodução

Quem diria, postar foto de comida pode dar alimento a alguém! | Foto: Reprodução

 

É praticamente impossível entrar no Instagram e não se deparar com pelo menos um usuário postando foto de comida. Essa realidade da rede social ficou tão grande, que parece que alguém arrumou uma forma de usar o hábito como ferramenta de comunicação. A DDB da Espanha desenvolveu o #FoodShareFilter, a partir do conceito “Se você vai compartilhar sua comida, faça isso de verdade”. Trata-se de um aplicativo que adiciona um filtro exclusivo nas fotos dos seus pratos no Instagram, com fins beneficentes.

 

Tá, mas aí onde tá o conceito aplicado na prática? Acontece que o app é pago, e todo o dinheiro arrecadado com o download é doado para a organização Manos Unidas. Caso queira participar, o #FoodShareFilter está disponível para Android e iOS, custando US$ 0,99 (cerca de R$ 1,96). A ideia é basicamente que as pessoas usem o filtro e a hashtag para divulgarem o aplicativo nas redes sociais, motivando que outros usuários baixem e também ajudem a combate a fome.

 

Veja o vídeo (em inglês) explicando como a iniciativa funciona:

 
 

Com informações do Comunicadores