Pinball: conheça a história desse jogo

Nos anos 80 de 90, muito antes dos consoles se popularizarem com o NES, o Mega Drive e o SNES, a diversão para quem gostava de games residia nas casas de fliperamas.
Eram lugares onde você comprava fichas e jogava nas máquinas disponíveis. Um tipo de máquina que fez – e ainda faz – muito sucesso é o pinball, aquela viciante mesa grande sempre com temas variados e luzes brilhantes.
Portanto, nós relembramos agora estes bons tempos onde a diversão não era decepar criaturas mitológicas ou atirar em alienígenas e sim fazer uma bolinha bater no maior número possível de obstáculos.

O surgimento

As origens do pinball se remetem à vários esportes com bolas, como bocha e críquete, sendo que versões inspiradas nestas modalidades, mas com mesas ou pistas, surgiram pouco depois, como bilhar e boliche. Entretanto, tudo começou para valer no século XV, na França do Rei Luis XIV. Alguém encolheu uma mesa de bilhar e colocou pequenos pinos em uma ponta.
Outro jogador, munido de um taco ou bastão, tentava rebater bolas para derrubar os pinos. Como recolocar os pinos no lugar levava muito tempo, eventualmente eles foram fixados e os buracos da mesa de bilhar viraram alvos com pontuações. Os jogadores podiam ricochetear a bola nos pinos para acertar os buracos mais difíceis de se alcançar.
Em 1777, houve uma festa para o rei e sua esposa no Chateau D’Bagatelle, castelo do irmão do rei. A sensação da festa era um novo jogo em que a mesa era estreita e inclinada e se utilizavam tacos com os quais os jogadores atiravam bolas de marfim para a parte mais alta da mesa.
O irmão do rei deu o apelido “Bagatelle” ao jogo que em pouco tempo se difundiu pela França. Alguns soldados franceses levaram suas mesas de Bagatelle favoritas para a América enquanto ajudavam a combater os ingleses na Guerra Revolucionária Americana. O jogo tornou-se tão popular nos Estados Unidos a ponto de se ver a figura do então presidente Abraham Lincoln jogando Bagatelle em uma charge de 1863.
especiais Pinball: conheça a história destas máquinas de diversão
O pinball como conhecemos só veio a surgir em 1869, quando um inventor britânico chamado Montegue Redgrave chegou aos Estados Unidos e estabeleceu uma fábrica de máquinas de Bagatelle em Cincinatti, no estado do Ohio. Dois anos depois, em 1871, Redgrave recebeu a patente americana número 115.357 pelos seus “aperfeiçoamentos em Bagatelle“, que substituíam o taco por um lançador com mola.
especiais Pinball: conheça a história destas máquinas de diversãoO jogador arremessava as bolas na mesa inclinada utilizando o lançador, algo que existe nas máquinas de pinball até hoje. Essa inovação tornou o jogo mais agradável aos jogadores. A mesa ainda diminuiu de tamanho e passou a caber em cima de balcões de bar. As inovações de Redgrave no design do jogo são reconhecidas como o nascimento do pinball em sua forma moderna.
Em 1930, as máquinas já eram operadas por moedas e haviam abandonado o nome de Bagatelle, passando a se chamar de marble games (jogos de mármore) ou pin games (jogos de pinos). As mesas agora possuíam um vidro cobrindo-as e traziam o lançador com mola inventado por Redgrave.
No ano seguinte, em 1931, a máquina Baffle Ball, da Gottlieb, se tornou um sucesso ao redor dos Estados Unidos. Vendida por US$17,50, a máquina dava de 5 a 7 bolas para cada 10 centavos inseridos – o que a tornou um fenômeno de entretenimento barato numa época em que o país era assolado pela depressão econômica. A Baffle Ball teve 50 mil unidades comercializadas e estabeleceu a Gottlieb como a primeiro grande fabricante de máquinas de pinball.
Conforme os anos foram passando, as máquinas foram recebendo novidades: em 1933, a empresa californiana Pacific Amusements lançou Contact, um jogo que trazia um solenóide movido à eletricidade que recolocava a bolinha em jogo após ela entrar num buraco-bônus. Outro solenóide ainda soava um sino quando o jogador conseguia algum feito extraordinário. Pouco tempo depois, todas as mesas passaram a trazer luzes e sons – coisas que existem ainda hoje nas máquinas de pinball.
No entanto, a grande característica dos pinballs – os flippers – só surgiu em 1947, com a máquina Humpty Dumpty, também de criação da Gottlieb. Esta grande inovação foi uma das muitas feitas pelo designer Steve Kordek, que também recebe os créditos pela introdução do primeiro “drop target” (em Vagabond, de 1962) e pelo “multiball” (em Beat The Clock, de 1963), conceitos que são considerados fundamentais no pinball até hoje.

A era eletrônica

Nos anos 70 e 80, a situação do pinball mudaria drasticamente, primeiro com o advento do microprocessador. Com ele, as máquinas entravam com tudo na era eletrônica, trazendo circuitos, displays digitais, efeitos sonoros, fala e outras coisas que só um computador era capaz. No entanto, o mesmo advento que iria tornar os pinballs máquinas modernas, significaria o começo da derrocada das mesas, pois surgiram os videogames, representados na época por Space Invaders, Pac-Man, Galaga e Asteroids.

especiais Pinball: conheça a história destas máquinas de diversão
Com isso, os pinballs passavam a dividir espaço não somente com os jogadores como também com as fabricantes, já que muitas empresas que produziam os pinballs passaram a produzir também arcades. Esta queda na popularidade dos pinballs, contudo, iniciou uma onda criativa entre os desenvolvedores das máquinas. Rampas, mesas com levels, multiball, etc., tudo isso virou costume dentro das mesas.
Na década de 1990, os pinballs continuariam a sofrer com a competição dos arcades. A utilização de franquias de cinema, como Batman e Jurassic Park, deram uma leve sobrevida às máquinas, mas empresas famosas, como a Gottlieb e a Williams, foram aos poucos deixando de funcionar. Durante os anos 2000, poucas empresas se mantém em funcionamento. As máquinas, por sua vez, passaram a vender poucos milhares de unidades, nada comparável com os números de décadas anteriores.
especiais Pinball: conheça a história destas máquinas de diversão

Os pinballs e os videogames

Não demorou também para os videogames assimilarem os pinballs dentro do seu quase infinito rol de gêneros. A Atari foi uma das primeiras empresas a se aventurar nessa mescla, lançando o console Video Pinball em 1977. O console trazia sete jogos divididos em três gêneros: quatro de pinball, um de basquete e dois de Breakout, um famoso arcade da mesma empresa.
A maioria dos jogos nesta época eram em 2D, com uma vista de cima. Conforme as capacidades de processadores e gráficos foram evoluindo, a física do jogo também foi melhorando, além do surgimento de simulações de bolas em 3D. O famoso tilt também tem marcado presença nas simulações, e pode ser ativado usando um ou mais botões para “mexer” a mesa. Periféricos para computador simulando os flippers também foram lançados, de modo a passar um ar mais realista para os games.
especiais Pinball: conheça a história destas máquinas de diversão
Algumas versões gamísticas ficaram famosas durante os anos. Em 1982, David’s Midnight Magic ficou conhecido por ser a primeira simulação comercial de um pinball verdadeiro (Black Knight, da Williams) dentro de um jogo eletrônico, tendo sido lançado para o Apple II, Commodore 64 e Atari. No ano seguinte, foi lançado Pinball Construction Set, um jogo que permitia ao usuário criar suas próprias máquinas de pinball – algo inédito na época.
O Windows NT 4.0 trouxe o pinball para o ambiente de trabalho ao incluir o jogo 3D Pinball: Space Cadet junto do popular jogo Paciência. Space Cadet ainda foi licenciado pela Microsoft para fazer parte da coletânea Full Tilt! Pinball, publicada pela Maxis.
Alguns consoles mais recentes, como o PlayStation 2, o Xbox, o PSP e o Nintendo Wii, receberam uma coleção de máquinas da Gottlieb, representando toda a evolução da empresa.
especiais Pinball: conheça a história destas máquinas de diversão
Alguns personagens famosos dos games também ganharam versões de pinball: Sonic the Hedgehog Pinball (1993), Kirby’s Pinball Land (1993), Pokémon Pinball (1999), Mario Pinball Land (2004), Metroid Prime Pinball (2007) e Marvel Pinball (2010). A versão da Marvel, no entanto, é uma das mais fiéis existentes hoje em dia, e roda dentro do jogo Pinball FX2, disponível na Xbox Live Arcade.
Post bem feito pelo pessoal da ARKADE 😀
Comentários