nfsmw 2005

NFS: Most Wanted (PS2 – 2005) em gráficos 4K

A franquia de velocidade NFS (need for speed para leigos) foi sempre uma saga fascinante de jogos desde a golden era dos games. Eu particularmente que nunca fui de ter consoles, sempre preferi PC’s e sempre optei por emular e rodar os joguinhos até que começaram a sair para plataformas Windows, onde era possível ter alguns títulos empolgantes dentro do computador e ter a diversão que o console trazia para à época. Dessa saga, dentre inúmeros títulos, e inimagináveis horas (leia-se tempo perdido de estudos e noites de descanso) o titulo mais marcante da saga ao meu ver ficou sendo o Need For Speed Most Wanted (2005) lançado para plataformas consoles e PC, foi o que me introduziu ao mundo dos rachas e adrenalina em alta velocidade.
O jogo em si tem uma excelente história, o que é interessante para a época onde jogos só saiam em um único idioma e não existia a famosa tradução / legenda, e aí as plataformas PC (e os games piratas dos consoles) se sobressaiam nas vendas. O principal motivo por ter customizações não encontradas na época como por exemplo as legendas nos vídeos para quem gosta da história nos games.

nfsmw 2005

Cortando o blá blá blá, navegando pelas aguas quentes desse mar louco que é a internet, vi aqui que os underground dev’s (aquele salve pro titulo anterior da franquia, nfs underground 1 & 2) ainda produzem mod’s e hacks para o game, e nesse vídeo é possível ver o lindo produzido para o game, terceiro da franquia no PlayStation 2, onde deixa os gráficos em 4K.

Lista: 10 curiosidades sobre o Nintendinho

O NES, primeiro console de mesa da Nintendo, comemorou 30 anos de vida no dia 18 de outubro. Para celebrar, veja uma lista com 10 curiosidades imperdíveis sobre o clássico videogame da gigante japonesa.
Entre acessórios úteis e curiosos, aparições em filmes famosos, detalhes das fases iniciais de desenvolvimento e até mesmo alguns ‘parentes’ lançados no Brasil, o Nintendinho, como é conhecido no Brasil, tem muita história para contar nas suas três décadas de vida. Confira:

Limitação de lançamentos

Na tentativa de proteger o console de games de péssima qualidade, a Nintendo estipulou uma quantidade anual máxima de jogos a serem lançados por outras empresas para o aparelho. Isso limitava o NES a receber apenas cinco títulos de ‘third parties’ por ano.
Depois de alguns anos e muitas reclamações das empresas, a gigante japonesa finalmente relaxou suas políticas, e permitiu a chegada de mais games ao aparelho, que o ajudaram a se tornar um dos videogames mais importantes de todos os tempos.

Botões de borracha

Nos primeiros protótipos do Famicon, versão japonesa do console, os controles tinham os botões A e B feitos de borracha. O material supostamente deveria tornar o manuseio mais agradável.
Depois de testes, foi constatado que os botões de borracha insistiam em emperrar no controle, já que ficavam presos na parte de plástico. Ao tentar soltá-los, eles terminavam danificados

Leitor de discos

O Famicon Disk System foi uma tentativa frustrada de expandir as capacidades do console da Nintendo adicionando um leitor de discos. Além de mais baratos, os discos também têm mais armazenamento, e permitiriam jogos maiores e mais complexos.
O projeto infelizmente fracassou, já que a tecnologia era pouco desenvolvida e gerava muitos problemas na hora da execução. Uma versão do Disk System também havia sido planejada para o NES, mas terminou abortada.

Funcionamento da Zapper

A popular pistola do NES sempre intrigou os jogadores, já que parecia muito moderna para sua época. Na prática, o funcionamento da Zapper é bem básico. Ao atirar, toda a tela se torna preta, e então exibe um pequeno quadro branco, onde o alvo está, por uma fração de segundo.
Quando o sensor posicionado na ponta do cano da arma ‘enxerga’ esse quadrado, o alvo será acertado no game. De outra forma, o jogador errará o tiro, e deverá mirar com mais cautela.

Continue lendo…

Ilustrador faz série de desenhos com brinquedos dos anos 80 e 90

Se há uma coisa que a Internet nos proporciona, é a noção de como hoje em dia tudo é tão nostálgico, e podemos lembrar ddas coisas que vivemo nos anos 80 e 90 sem ter que depender exclusivamente de nossas memórias. Um garoto que cresceu no anos 80 e 90 tem toda a sua infância rodeada de lembranças de jogos, videogames, brinquedos e programas de TV que não são como os de hoje, em certos aspectos eles eram bem melhores, não acham?
Muito parecido com o visual que ainda flutuam em torno da web, de modo a ver as histórias que contam as origens, inspirações e quedas de alguns de nossos brinquedos favoritos que a tecnologia que existe usa para preservá-los. Aqui estão  algumas imagens sobre alguns dos brinquedos mais influentes dos anos 80 e 90, com ilustrações de David Lo, um ilustrador Coreano que viveu basicamente as mesmas coisas que nós. Veja as imagens e comente qual deles você mais curtiu! 🙂

Web
Web

Os 5 jogos de Playstation One que mais marcaram

Fiz uma lista de 5 jogos de PS One que mais marcaram as nossas infâncias. Não, não é uma lista do melhor jogo para o pior, nem uma lista do que mais marcou ao que menos marcou, mas apenas uma lista dizendo os 5 jogos que mais marcaram a minha infância haha! Sem mais blá blá blá eu vou começar:

O 1º jogo é um jogo que, mesmo quem não jogava RPG, vai lembrar dele, por que com certeza marcou uma galera, eu to falando do Final Fantasy VIII.

Final fantasy

TODOS os FF são memoráveis, mas (na minha opinião) o VIII foi o que mais marcou, porque foi ele que começou com os gráficos melhores, diferentes do VII, que tinham os personagens no estilo Chibi e etc.

O 2º game até hoje não encontrei ninguém que não goste dele, ou melhor não conheço ninguém que não o conheça. Eu to falando do Crash Bandicoot.

Bandicoot

Não precisa ser fã pra lembrar do Crash Bash, ou Crash Team Racing (CTR), que é um dos melhores jogos pra jogar com família e amigos.

Já o 3º jogo que deixou saudades, não era tão virado para o público infantil pois foi um dos primeiros jogos gore a serem lançados. Eu to falando do Resident Evil, o primeiro da série!
resident-evil-capa

 Não sei vocês, mas esse eu jogava escondido, longe da minha mãe, na verdade quando ela ia dormir, por que ela falava que era coisa do demônio, isso ia atrair coisa ruim e etc, mas a gente sabe que esses “demônios” na verdade não tem nada a ver com satanismos ou coisas do gênero, são tudo zumbi por causa do T-Vírus.

Aqui uma foto do primeiro zumbi que aparece no jogo, o primeiro que a gente mata com aquele cagaço  (na época isso era a coisa mais feia do universo pra gente que era pequeno e.. tinha medo dessas coisas… ou era só comigo?)
zombie1

O 4º jogo é um jogo um pouco mais “light”. Quem não lembra da Lara Croft?

tomb raider

 Tomb Raider foi o primeiro jogo que eu joguei no ps1, ainda lembro da primeira parte da neve, de matar dois lobos… bons tempos…

Finalmente, o 5º Jogo que mais marcou, pra mim, foi o Medal Of Honor.

medal-of-honor

 O primeiro jogo em primeira pessoa que a maioria de nós jogamos primeiro. Com certeza você jogou com um irmão, um primo, ou até mesmo um amigo seu no modo versus ou co-op, que a tela era dividida na vertical à principio.

Bom galera, esses foram os jogos de ps1 que mais me marcaram. Essa foi a minha opinião pelos jogos que eu joguei e etc. Deixe um comentário dizendo os jogos de ps1 que vcs mais gostaram! =]