Lista: 10 produtos da Apple que mudaram muito nos últimos 25 anos

Você pode gostar ou não, mas a Apple sabe como fazer barulho. A empresa mudou o mundo da informática nos últimos 25 anos. Abaixo você vai ver alguns dos produtos que criaram uma aura de jovialidade ao redor desta maçã.
– Macintosh (1984)
top mac macintosh-128k
O primeiro microcomputador a utilizar um mouse e uma interface gráfica amigável foi o Lisa, mas o custo de quase 10 mil Dólares deixou o produto longe do usuário comum. O Mac era barato (2,5 mil Dólares era barato para um computador) e veio acompanhado de um comercial dirigido por Ridley Scott, o mesmo de Alien e Blade Runner (clique aqui para assistir).



– PowerBook 100 (1991)
top mac powerbook 100
Vindo com uma tela de 10 polegadas (netbook?) e uma tela de LCD monocromática, o PowerBook influenciou o design de notebooks para sempre. Este produto também foi o primeiro a usar o Target Disk Mode, que consistia em usar o note como HD ao conectá-lo a um Macintosh. Talvez um dos primeiros pen drives.
– Power Mac G3 (1997)
top mac power 3g
Este computador foi um marco por ser o primeiro depois da volta de Steve Jobs ao cargo de CEO da empresa. Ele também utilizava o chip G3, da Motorola, o que representou um grande avanço de desempenho dos computadores da maçã. Para se ter uma idéia, o chip continuou sendo utilizado em variações do G3 até 2003.



– iMac (1998)
top mac imac
Talvez este seja um dos maiores marcos do design da Apple. Com seu desenho único e a promessa de uma verdadeira premissa Plug-And-Play (encaixe e use), o Imac foi um estrondoso sucesso. A utilização de portas USB fez com que uma imensidão de produtos aparecessem. De hubs a churrasqueiras. Ele também foi o primeiro computador da empresa a não utilizar disquetes, dando o primeiro tiro no formato, que hoje está quase totalmente extinto.



– PowerBook G3 “Wallstreet” (1998)
top mac wallstreet
Além de usar o ótimo chip G3, este notebook trazia uma variedade de configurações, indo de drives óticos a Zip Drives (lembra deles?). O design mais arredondado e uma tela de 14 polegadas (uma grande novidade em 98) faziam deste uma dos mais modernos laptops de sua época. Uma versão posterior, lançada em 2000, tinha acesso a rede wireless e uma porta FireWire.



– iBook (1999)
top mac ibook
Este produto foi a versão portátil do iMac, utilizando portas USB, um design e cores próximas. Utilizando também o chip G3 e sendo o primeiro a vir com conexão a redes sem fio de fábrica o iBook foi um sucesso de vendas e de público.



– Power Mac G4 Cube (2000)
top mac cube
Mesmo tendo ficado a venda por pouco tempo, este computador acabou parando no Museu de Arte Moderna por seu espetacular design. Era um cubo de 8 polegadas em um outro de acrílico transparente de 10 polegadas. Infelizmente, o alto preço e notícias de problemas no computador (como quebras no acrílico) fez com que as vendas do aparelho não fossem tão impressionantes.



– iMac baseado na tecnologia Intel (2006)
top mac imac intel
A troca da tecnologia PowerPC para o Core Duo criado pela Intel permitiu a empresa fazer computadores mais finos e poderosos. Utilizando um design básico e fino, o computador ainda tinha a promessa de Plug-And-Play continuava, mas o desempenho era até 3 vezes maior. Outra novidade era a possibilidade de uso do sistema operacional Windows através de um software.



– MacBook Air (2008)
top mac macbook air
Ano passado a Apple apresentou este notebook, que é um dos mais finos do mundo. Mesmo trazendo vários problemas (baterias que não podem ser removidas, sem drive de DVD, portas USB e FireWire). O computador vinha sem HD e utilizava uma nova tecnologia Intel, que permitia o computador ser tão fino. A falta de portas USB ou DVDs fez com que algumas pessoas tirassem um sarro da empresa (clique aqui para ver). Além de ter um teclado mais espaçoso, o notebook tinha um mousepad com capacidades multi-touch.



– iPhone/iPod Touch (2007)
top mac iphone
Por último, mas não menos importante está o celular mais desejado do mundo. Este aparelho não era um computador, mas sua capacidade de utilizar programas diferentes faz dele um aparelho altamente versátil. A tela milti-touch e a falta de botões fez deste um dos mais revolucionários entre os celulares recentes. Ele influenciou o mercado de celulares e criou uma corrida aos aparelhos com tela sensível ao toque. Este celular virou um objeto de desejo recente.
A empresa do senhor Jobs é um verdadeiro marco no mundo da computação e suas experiências no mundo do design a fizeram uma meca para os seus fãs.

Mitos e Fatos no mundo dos Games

Mito: É possível reviver Aeris ao final de Final Fantasy VII

Se existe uma cena que emociona todo e qualquer gamer, esta é com certeza a morte de Aeris Gainsborough nas mãos de Sephiroth em Final Fantasy VII. Desde aquele momento, inúmeras tentativas foram feitas para ressucitar a menina. Até mesmo alguns truques e códigos foram inventados e vídeos foram colocados na internet mostrando Aeris viva. Tudo isto, no entanto, não passa de balela. Portanto, desista: não existe nenhum jeito de revivê-la, nem por código, nem por item.

Fato: Milhões de cartuchos de Atari estão enterrados no Novo México

cultura 10 Mitos e fatos sobre o mundo dos videogamesO Atari 5200 falhou por uma série de motivos. Entre eles, está a péssima adaptação do filme E.T., de Steven Spielberg. Crentes que o jogo venderia como água no deserto, milhões de cartuchos foram produzidos. No entanto, o que aconteceu foi exatamente o contrário: o jogo vendeu muito pouco. A solução? A empresa enterrou cerca de 10 milhões de cartuchos de E.T. no deserto do Novo México. O “mito” depois foi confirmado por dois jornais. A empresa, por segurança, ainda cobriu todos os cartuchos com concreto.

Mito: Em Street Fighter II, você pode lutar com Sheng Long

 De acordo com a edição de Abril de 1992 da revista EGMSheng Long, o suposto mestre de Ryu, pode ser enfrentado no jogo Street Fighter II. Para isto, basta vencer os onze lutadores do jogo sem tomar um único golpe e conseguir dez empates seguidos com M. Bison. Assim, Sheng Long supostamente apareceria. A “dica”, entretanto, não passava ser mais uma brincadeira de 1º de Abril da revista, famosa por suas piadas. dos Estados Unidos,

Fato: É possível pular sobre a bandeira no final do mundo 3-3 de Super Mario Bros.

 Desde o primeiro jogo Super Mario, todas as fases terminam com o encanador pulando e se agarrando em uma haste de bandeira e depois entrando no castelo. Mas, no mundo 3-3 de Super Mario Bros. é possível pular sobre a haste e nunca terminar a fase! Basta pular do elevador quando ele se encontra no mais alto e conseguir pegar o máximo de “impulso” possível.  

Mito: Saddam Hussein comprou 4 mil PS2 para montar supercomputadores militares

 Sim, uma das maiores figuras da história recente do mundo supostamente comprou 4 mil PlayStation’s 2 tendo em vista a construção de supercomputadores para uso militar. Se pensarmos que a história surgiu no ano 2000, quando um simples PC, com muito mais capacidade de memória e de processador, era facilmente encontrado até mesmo no Iraque, fica difícil de acreditar que uma história como esta seria verdade. Talvez Saddam só queria mesmo era jogar um pouco de God of War e GTA

Fato: O Super Mario Bros. 2 lançado no Ocidente na verdade não é um jogo do Mario

Quem jogou SMB2 lembra que o jogo era bastante diferente dos outros. Nada de Koopas, Goombas ou Bowser. Os inimigos eram Shy Guy e Birdo, que depois fariam parte do “elenco” oficial dos jogos Mario. Acontece que o SMB2 lançado nos EUA era na verdade Doki Doki Panic, mas com os sprites dos personagens principais modificados pelos de Mario, Luigi, Peach e Toad! A explicação para as mudanças? O jogo todo era, na verdade, um sonho de Mario!

Mito: Luigi é um personagem secreto em Super Mario 64

Se o Nintendo 64 teve sucesso, muito foi culpa de Super Mario 64. Um dos mitos mais comuns relacionados a este jogo é que Luigi, o irmão de Mario, é um personagem secreto! A “confirmação” seria uma mensagem escrita na fonte fantasma dentro do jogo. A mensagem seria “L is Real 2401“, ou seja, “Luigi é real”. Tudo não passa de um rumor infundado, mesmo com imagens (photoshopadas) “comprovando o contrário”.

Fato: Jogar 250 lutas em Mortal Kombat II libera o jogo Pong

Essa é para quem for realmente viciado em Mortal Kombat e tiver tempo livre de sobra. Em MK II é possível liberar o jogo Pong – sim, aquele mesmo, com duas “raquetes” e uma “bolinha”. Para isto, basta jogar “só” 250 partidas seguidas que você será levado para o clássico dos arcades, que praticamente iniciou a era dos games em 1972. Mortal Kombat II também tem um segredo mais fácil: vencendo 50 partidas você pode enfrentar Noob Saibot, um dos personagens secretos do jogo.

Mito: É possível matar o cachorro do Duck Hunt

Todos sabemos quem é o cachorro do Duck Hunt. Eleito por 12 de cada 10 gamers como o personagem mais chato e hediondo dos games (ele ria da sua cara toda vez que você errava um tiro!), o animal causou a ira de muitos por seu humor questionável. Como Duck Hunt é um jogo de tiro, o instinto de muitos era atirar no cachorro. Tal ação, no entanto, era impossível. Você tinha que aturar o animal te sacaneando toda vez que você errava e não havia nada que pudesse fazer.

Dúvida: Assoprar o cartucho ajuda?

Um dos maiores hábitos de quem jogava consoles que usavam cartuchos é assoprar a fita antes de colocá-la no videogame. Isto, no entanto, é a famosa faca de dois gumes. Os gamers juram de pé junto que ajuda, que depois de uma assoprada qualquer cartucho funciona. Mas quem trabalha em assistências técnicas e locadoras jura que as pequenas gotículas de saliva que saem durante o sopro podiam queimar a fita. Portanto, não há veredito definitivo sobre assoprar ou não a fita.

Artista cria fósseis com gadgets e games

A ideia é do designer Christopher Locke, que utiliza gadgets e videogames reais e obsoletos para criar as  réplicas fossilizadas. Entre as réplicas de Locke, estão outros objetos comuns como o Nintendo 64, disquetes, fitas K7 e um telefone celular “tijolão”. O artista diz, em seu site oficial, que usa uma “mistura própria de concreto e ingredientes secretos” para dar esse aspecto antigo às peças.
https://i0.wp.com/opp-m.com/7/3/4/734/assets/gWkzmeK5.jpg?resize=400%2C345

https://i2.wp.com/opp-m.com/7/3/4/734/assets/AhyL1NEy.jpg?w=750

https://i0.wp.com/opp-m.com/7/3/4/734/assets/TxzWpDma.jpg?w=750

https://i2.wp.com/opp-m.com/7/3/4/734/assets/qMzsnbZj.jpg?w=750
O mais legal é que ele inventa nome para os tais “achados” esse joy stick aí em cima tem o curioso nome de Hilarofustis atarium. Gostou? Passa no site dele e aproveite para levar um pra casa!

Mulheres Geek e suas conquistas

Houve um aumento acentuado recentemente dos chamados meninas geek, elas são muito menos comum do que a maioria gostaria de admitir. Exemplos bem simples de garotas geeks e mostrar também que elas existem sim e não são aqueles garotas das postagens anteriores que pouco se sabe se é so pose para foto, pois destas temos inferomações segue abaixo:
 
Jade Raymond
Ela pode ser 25% autraliana, 25% chinesa e 50% canadense mas uma coisa essa garota é 100% incrível. Seu primeiro trabalho pós-faculdade era como programadora para a Sony, onde ela acabou ajudando na primeira pesquisaSonyOnline’s first Research e grupo de desenvolvimento. Isto a levou paraEletonic Arts (EA)onde trabalhou como produtora em The sims online. Em 2004, ela começou a trabalhar para aUbisoft Motreal, onde foi nomeada como produtora de Assasins Creed, e também foi produtora executiva de Assasins Creed 2.
  • Raymond se considera uma gamer ávida.
  • Em Julho de 2009, Jade foi nomeada presidente da Ubisoft Studios-Toronto.
Marissa Mayer
     É a vice presidente de busca e experiência do usuário no motor de busca Google. Ela atua como uma guardiã d oprocesso de lançamento do produto, determinando quando ou se um produto Google particular está pronto para ser liberado para os usuários. Ela estudou a inteligência artificial na Universidade de Stanford, e antes que ela se torna-se a primeira mulher a trabalhar no Google, trabalhou para a UBS em um laboratório de Zurique.
 
 
Jolie O’Dell 
      Jolie O’Dell é um veterana jornalista com uma década de experiência em redação e edição de notícias.Antigamente, um escritora e administradora da comunidade para ReadWriteWeb e uma escritora de blogs de tecnologia e diversas publicações impressas, Jolie agora traz relatórios sobre mídias sociais e tecnológicas para o Mashable. Ela se formou em Shenandoah University em estudos de mídia.
 

 

 
Jessica Chobot
Chobot ganhou exposição quando uma foto de sua língua lambendo um PSP apareceu online em 2005. A foto foi amplamente parodiou uma vez que, mesmo aparecendo em publicidade da marca Sony.  Complementando o seu amor de videogames e uma obsessão com a cultura japonesa, especificamente anime e mangá. Em 2006 Chobot foi contratado em tempo integral pela IGN.com para assumir responsabilidades de hospedagem para o show da rede Semanal IGN. Seus segmentos incluídos stand-up introduções assim como “mulher-a-rua”. Desde 2009, ela apresenta um programa diário, intitulado “IGN Daily Fix”, o primeiro episódio foi ao ar 23 de março de 2009. O show faz um sorteio semanal sexta-feira com perguntas sobre fatos aleatórias, o vencedor recebe um jogo de vídeo. Além disso, ela contribui para colunas, reportagens e opiniões e executa um blog na IGN. Chobot também fez várias aparições no G4

 Felicia Day

 Felícia Day é criadora, escritora  e estrela de The Guild uma webserie   A primeira temporada foi basicamente hospedado no YouTube, onde recebeu milhões de visualizações. Sua segunda temporada estreou na Microsoft  três principais canais de vídeo do Xbox Live , MSN Video eo Zune Marketplace após a Microsoft fez um acordo com o Sindicato, permitindo Felia , seu elenco e sua equipe para receber uma remuneração financeira pelo seu trabalho. Day também criou uma música e vídeo da canção chamada “ (Do You Wanna Date My) Avatar.
Marina Orlova 
Esta russa de 28 anos de ela não salta a frente de uma câmera  apenas por diversão, ela está aí para educar. Originalmente uma etimologista (etimologia é a parte da gramática que trata da história ou origem das palavras e da explicação do significado de palavras através da análise dos elementos que as constituem. Por outras palavras, é o estudo da composição dos vocábulos e das regras de sua evolução histórica.), Marina descobriu que aplicando seu considerável conhecimento de uma forma pouco ortodoxa foi uma maneira rápida de vencer a economia, e em 2007 Hot for Words nasceu. Uma média de mais de dois milhões de visualizações por vídeo no youtube. Ela tem sido apontada G4 uma das garotas geek mais sexy do mundo. 

Manual como namorar um NERD

22_26

Mas primeiro qual a vantagem para uma mulher, namorar um cara vamos dizer… NERD?

  1. Nenhuma amiga vai te roubar o cara.
  2. É um cara que pode te dar aulas de tudo quanto é coisa. De matemática a internet.
  3. Você pode ser a primeira garota da vida dele, a garota dos sonhos
  4. Seus pais vão adorar o cara
  5. Dificilmente você vai descobrir depois que o cara é gay.

Socialmente falando, costuma ser meio invisível. Quer dizer, você passa por ele, mas ignora ou faz questão de fingir que ele não existe. Alguns preferem assim. As características principais são:

  1. A pele sem bronzeado, falta de sol de tanto ficar na frente do computador.
  2. O esculacho com as roupas é outra. Costuma haver exceções, mas eles preferem se vestir para cobrir a nudez e não para atrair a atenção do sexo oposto.
  3. A falta de certo traquejo social. Passaram a maior parte da adolescência estudando ou lendo coisas que achavam interessantes.
  4. Falta ou excesso de agressividade nas relações humanas. A grande competição do NERD é o vestibular ou notas mais altas. 20 marmanjos suando e correndo atrás de uma bola de futebol tende a ser encarado como “pouco produtivo” e desnecessário. Salvo quando o Brasil está na COPA, lógico.
  5. Pensamento exageradamente voltado para sexo. De ouvir falar, sabem muita coisa.

Até aí, uma parte das meninas não vai saber a diferença entre um cara e outro. São seres solitários. Algumas vezes tem hábitos estranhos. Um deles é querer fazer esportes radicais, tipo remo ou canoagem (nem sempre com sucesso). Outro poderia ser uma coleção de insetos conservados em álcool, mangas, selos, fotos da Sabrina Sato, etc. Umas fixações super originais. Pois é, né? Tem cara que é viciado em mecânica ou pode até desenvolver um gosto por música clássica, violão, sei lá. São modismos do cara que você olha e diz que é só ele que tem essa mania, tipo ver “Neo genesis evangelion” ou “Caçadores da Arca Perdida” 22 vezes. Rock pesado é comum, embora alguns desenvolvam gosto por Vinícius de Morais achando que melhora com as meninas.

Okay. Como é que eu começo?

Primeira coisa, você tem que repensar toda sua forma de agir. Um Nerd é um território virgem a ser desbravado. Não adianta aceitar o convite dele para ver a garage kits que nunca saíram da embalagem. O sujeito é bem capaz de te mostrar a tal coleção. Sem nenhuma malícia. Uma lista de coisas que ele não sabe fazer:

1- Entender que você está afim dele (demora muito para apagar a lembrança da rejeição que ele sempre sofreu da sociedade).
2- Entender indiretas (tudo para ele é zero ou um, sim ou não)
3- Deixar algo para amanhã (amanhã tem prova)
4- Preparar um clima (se ele fizer algo que sugira comportamento sofisticado, cuidado, ele pode não ter consciência disso, pode estar só imitando alguém e não vai sustentar a pose muito tempo)
5- Criar expectativa (mulher vive um pouco disso, até que descobre que ninguém olha mais para ela)

BOM E SOBRE O NAMORO  (?)

A principal é que, para fins de namoro, a mulher é menos inteligente do que o homem (e se não concorda, porque está lendo isso?). Se você está afim do cara, mostrar inteligência não é legal para o namoro. Não gosta do que o cara está falando, começa a descrever seu dia, peça ajuda numa lição de matemática. Tudo, tudo menos falar:

1- De como gostava do seu antigo namorado, isso você fala quando que mandar ele embora
2- Falar do que gosta num homem. Ele pode não ter essas qualidades
3- Reclamar de grana. E se ele gastou tudo num Voodoo Chipset pro micro dele?
4- Falar de coisas esotéricas em que ele não acredita.
5- Contar antigos relacionamentos

Se isso para você significa ficar calada, experimenta alugar um filme norueguês. Ou assistir cinema japonês de vanguarda. É muito mais muito importante saber que para ele, muitas fichas vão demorar a cair, apesar de toda a inteligência que o cara parece ter. Não é que o cara não pense em namorar e coisas do gênero. É que em vários casos, a humanidade não fez nada para ele que valha a pena ser lembrado. Manja família? Ou seja: querer alguém é algo fora do seu dia a dia. Ódio (de algum professor), inveja (de algum colega), frustração (talvez com as mulheres), depressão (por ter visto as médias da faculdade) são sentimentos comuns. Alguns NÃO sabem sorrir para agradar. Simplesmente não saberiam mentir de forma convincente nem se a própria vida dependesse disso. Outros por outro lado..
Podem ser machistas, egocêntricos, egoístas, ego-um-monte de coisas. Tudo aquilo que uma mulher fala de um homem depois que o namoro acabou. Mas tais sentimentos tem uma explicação muito simples. Apesar dos boatos relativos a um elo perdido, os Nerds são seres humanos. Não são que nem um cachorrinho que simplesmente “pst, pst, pst, vém cá..”. Se o cara teve uma crise qualquer, o provável é que ele vá demonstrar. Ao contrário de uma mulher, que vai tentar ser diplomática para não perder a pose. Você pode não gostar disso, mas um dia vai ter filhos (se tiver sorte) e vai ver tudo isso em primeira mão, do mesmo jeito. Quase ia esquecendo… Existe o tipo chiclete. A grande maioria dos seres humanos passa por esta fase, alguma vez na vida. A menina fala “oi” pro cara. E o cara interpreta uma mensagem ligeiramente diferente. Algo parecido com “Hoje ela se declarou pra mim, ela me ama, ela me ama, ela me ama”. E aí fica todo santo dia atrás dela, numa perseverança capaz de levar uma feminista às lágrimas (por que isso não acontece com ela). O chato é que na maioria das vezes, a mulher não quer um cara assim. E vai levando a vida. Até que um belo dia, o cara se interessa por outra. Perde o interesse. A menina começa a sentir falto da atenção que recebia antes e fica toda “melosa” pra ver se o cara volta. Quando ele desiste da “outra” e “volta”, a menina volta a dedicar o mesmo tipo de desatenção que tinha com o “Chiclete”. Mas eu já tentei uma vez, ele não correspondeu… Você errou alguma coisa. Voltando ao princípio… Você pode até exibir cicatrizes de batalhas (tipo mordidas, beliscões, até mesmo cicatrizes reais, defendendo de tentativa de estupro) que você teve com outros caras. Um Nerd não tem nem arranhões. Se o cara corresponde logo de início, age de acordo com o esperado, não é um Nerd, é um cara já com alguma experiência se fingindo de Nerd. Como é que você vai saber? Sei lá. O que você não pode esperar é que ele se comporte no gênero “se ele me ama, vai me entender, vai me procurar”. Amar é uma coisa. Fazer amor é outra e namorar, outra.
Minha opinião é que as mulheres gostam de caras experientes por não saber lidar com a rejeição nas primeiras fases. O cara experiente ou tá afim ou vai embora (é o que eu faço, quando consigo largar o computador para ir atrás de mulher). Um Nerd não é um cara que você vai ficar com promessas de sexo só para atiçar o desejo dele por você. É ou dá ou ano que vem ele tenta de novo (se tentar). E se não for dar logo, é melhor saber muito bem como não atiçar a fera para isso. É 8 ou 80. Não adianta dizer não quando quer dizer sim. Ou ele vai te namorar sem pensar em te levar para a cama (pode até ser amor platônico) ou vai pensar em sexo direto.
O que leva a uma questão interessante: alguns simplesmente tem medo de mulher, mas não se deram conta ainda disso.Finalizando. Como é sexo com um Nerd?Não sei, nunca tentei. Nem pensei em tentar. Mas pelas histórias que ouvi e um pouco de dedução, o cara vai inventar uma dor de barriga, na bexiga, no dente que arrancou e vai deixar para a próxima vez. Se você entrou nessa pensando em fazer mal ao rapaz, isso não tem nada a ver com algo que você tenha feito de errado. É timidez mesmo. Você não tem a mínima idéia do pavor que a primeira vez provoca. Sem falar que alguns já abandonaram a esperança. Sugestão: começa com um banho juntos. Às vezes não é sábado e o cara esqueceu de tomar (ou só toma antes de dormir). Ainda assim, acontece do cara te respeitar e falar não (juro que isso pode acontecer independente de você ser feia ou não). E daí, como faz? Se houver próxima vez (ele pode achar que você dá pra todo mundo e tanto usar isso como desculpa para desprezar ou te querer assim mesmo), tenta primeiro convencer o cara a tirar a roupa. O pretexto e o contexto são 99% da coisa.